Dicas de Beauty

Agora que estamos entrando na coleção OUTONO/INVERNO 2013 muitos looks lindos irão surgir, e vai faltar espaço no seu armário! Quem nunca desejou ter um closet igual ao da Cher, do filme ‘As patricinhas de Beverly Hills’?! Mega organizado e computadorizado… #todasamam

 
 

                                                                                                                                                      

De volta à realidade… 😦

Arrumar o armário é uma das tarefas mais temidas, além de tomar muito tempo, essa é uma daquelas atividades que simplesmente não podem ser abandonadas no meio. Com a correria do dia a dia, muita gente tem preguiça de encarar a tarefa por não saber por onde começar, algumas dicas simples, no entanto, podem ajudar a resolver esse dilema.
 

Se você acha que não vai dar conta de arrumar tudo de uma vez, não desanime, estabeleça metas… Comece arrumando, por exemplo, a gaveta das meias. Faça isso enquanto assiste à novela.Vai passar super rápido.  🙂

Agora se você vai encarar tudo de uma vez só, o primeiro passo é se preparar para uma maratona de organização: em uma tarde livre, coloque sua playlist preferida no rádio e uma roupa confortável, pois o processo de arrumação deve levar algumas horas.

Em seguida, tire tudo do guarda-roupa, colocando sobre a cama. Aproveite que o espaço está vazio para limpá-lo com o auxílio de um pano úmido para tirar o pó. Só então comece a analisar o que vai voltar para o armário, de acordo com as dicas abaixo.

# Classifique as peças

Depois de reunir todas as peças fora do guarda-roupa, separe-as em três grupos: aquelas que você usa apenas em situações específicas (como vestidos de festa e biquínis), outras que você não usa a mais de um ano e uma muda para as demais.

O primeiro grupo pode ser armazenado em malas e caixas especiais, que vão ocupar menos espaço no armário, mas estarão sempre prontas para serem usadas quando for necessário. A segunda muda provavelmente deverá ser inteiramente descartada, porque essas peças ou não servem mais ou saíram de moda. Deixe apenas aquelas que ainda estiverem em bom estado e que possam render looks com ar vintage. Por fim, as roupas que sobraram são as que mais darão trabalho, pois precisam ser classificadas e devidamente organizadas.

 

# Retire os excessos  
 
Depois de analisar e experimentar as peças, provavelmente você já deverá ter percebido o que não vale a pena guardar. Nessa etapa, pratique o desapego, deixe o sentimentalismo de lado e abra espaço para coisas novas.
 
Separe todas as roupas que você não gosta mais, que estejam desgastadas e, principalmente, aquelas que deixaram de servir. Não guarde uma calça jeans esperando o dia de emagrecer – isso só ocupa o espaço de um modelo que lhe cairia bem e seria realmente usado no presente.

# Aposte em consertos


Existem aquelas peças que possuem um caimento perfeito, mas foram deixadas de lado pela falta de um botão ou por um furinho estratégico. Nesse caso, aposte em consertos. Separe aquilo que pode ir para a alfaiataria ou para a tinturaria. Assim, em breve elas poderão fazer parte do seu guarda-roupa novamente.

# Separe as peças pelo tipo

Cada tipo de roupa deve ser guardado com seus pares, ou seja: saias, calças, camisetas, casacos e vestidos devem ganhar espaços específicos no armário, para facilitar a procura na hora da produção. Assim, seu guarda-roupa ficará dividido em setores.
Vale ressaltar que em cada parte a preferência sempre será das peças básicas, que são usadas com maior frequência. Elas devem estar mais à vista, em um local em que seja mais fácil de retirá-la e depois, guardar novamente no mesmo espaço.
 

# Classifique por cores e tamanhos

Depois de dividir as peças por tipos, é hora 

de classificar as roupas de acordo com seu tamanho e cor. Ou seja, saias longas vão anteceder as mais curtas e, no degradê de cores, é preciso sempre começar dos tons mais leves para os mais escuros (do branco ao preto, por exemplo).
Com essa ordem, seu armário provavelmente ficará parecido com as prateleiras de uma loja.

 
 # Acessórios bem guardados

Quem não tem muito espaço sobrando para cintos, colares e outros acessórios, pode aproveitar algumas partes estratégicas do guarda-roupa para mantê-los organizados. A parte interna das portas é um exemplo: colocando suportes adequados, é possível pendurar cintos e colares nesse local, facilitando a visualização.
Para os brincos e pulseiras, vale apostar em caixas com separação especial, que podem ser encontradas em várias lojas de decoração. E, por último, experimente usar um desodorizante de ambientes, com um aroma cítrico como limão. O seu quarto vai ficar com um cheirinho de limpeza delicioso!

 

Depois de organizar o armário, é só manter a disciplina para que ele permaneça em ordem. Sempre que pegar uma peça, coloque-a no mesmo lugar e devidamente limpa.
Assim, não tem erro. 😉
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s